Arquivo do autor:Guri

Enjoy the LA’s environment

Este vídeo está no site oficial da EF Intercâmbios e é muito bacana pois mostra em poucos minutos como é a vida de um intercambista nesta tão maravilhosa cidade.
Quem gostou faz barulho!! 🙂

cheers

Anúncios

Gurizando LA Returns!

Boa noite galera, tudo bem?

Desculpa a falta de postar aqui, vão fazer quase quatro meses que não posto nada mais aqui, desde que meu visto foi negado.

Muitas pessoas perguntaram se eu havia desistido da viagem, mas desistir jamais! Eu apenas estou tentando reorganizar as ideias, pois, para quem percebeu, a viagem estava marcada para o dia 27/04/2013. Mas sem visto, nada rola né galera? E também tem um outro detalhe, o dólar está muito baixo (cotação de hoje a R$ 2,16), o idel seria esperar que ele baixasse um pouco.

Em breve estarei postando a minha entrevista no consulado americano, mesmo que não tenha dado certo.

 

Um forte abraço and let’s on the road!

American Visa: Acess Denied

Boa noite pessoal, tudo bem?

 

ImagemEstou aqui para dar uma notícia um pouco triste para mim (e que pode ser alegre para alguns)… a minha solicitação de visto para os EUA foi negada 😦

É, eu também fiquei em choque quando recebi a notícia. Porém, eu não vou desistir de conseguir a permissão para a entrada nos EUA!

Nos próximos dias, pretendo explicar como é feito o processo de solicitação de visto, e contar um pouco da minha experiência com o visto negado também.

Enquanto isto, torçam por mim.

 

Best regards 😀

Explorando o Passaporte Brasileiro

Demorou mas chegou!
Este é o víeo que eu havia prometido para vocês, de como é o Passaporte Brasileiro por dentro!
Espero que vocês aproveitem, e comentem!

😀

ABC do Intercambista

ImagemHelloooooow people! How r u?

Faz um tempinho que não posto por aqui, é que com a correria do dia-a-dia tudo fica mais difícil. Mas eu não esqueci do blog e não pretendo abandonar vocês, meus fiéis leitores!!

O post de hoje é um abecedário, onde estão destacadas as palavras mais comuns em um estudo no exterior. Confere aí!

A – Acomodação

Forma de hospedagem durante um intercâmbio. Pode ser em casa de família, residência estudantil ou em quartos compartilhados de hotel, dependendo da disponibilidade do local e preferência do aluno. Este pode ser um single room (quarto individual) ou um double room (quarto compartilhado por dois estudantes de mesmo sexo e nacionalidades diferentes).

B – Booking

Palavra de origem inglesa que significa reserva, podendo ser de vaga na escola, acomodação, passagem…

C – Câmbio

É o nome que se dá a conversão de equivalência entre duas moedas diferentes.

D – DS-160

Nome do formulário para a solicitação do visto americano.

E – Enrolment 

Matrícula, ingresso, cadastro.

F – Fee

Taxa.

G – Guest House

Acomodação em pensão.

H – Homestay

Expressão inglesa que significa casa de família.

I – I-20

Nome do formulário que a escola fornece para a retirada de visto americano. Este formulário é necessário somente se o seu curso tiver carga horária semanal maior que 18 horas, caso contrário, você pode tirar o visto de turista.

J – J1

Nome do visto para quem vai trabalhar nos Estados Unidos.

K – Kitchen

Cozinha em inglês. Todo o intercambista deve saber o que é, não? Hehehehehe 😛

L – Luggage

Bagagem, em inglês.

M – Meal

Refeição, em inglês.

N – Nickel

Nome da moeda que corresponde a US$ 0,05 (20 nickels = 1 dollar)

O – One way ticket

Passagem (de trêm, ônibus, metrô) somente de ida.

P – Part time

Curso de meio período (manhã ou tarde).

Q – Quarter

Nome da moeda que corresponde a US$ 0,25 (4 quarters = 1 dollar)

R –Round trip ticket

Passagem (de trêm, ônibus, metrô) de ida e volta.

S – Souvenir

Espécie de presente que o intercambista leva para a família hospedeira. Geralmente é alguma coisa relacionada a cultura do país de origem. Os brasileiros costumam muito levar o famoso “kit caipirinha”.

T – Transfer

Nome que se dá a pessoa que faz o translado entre o aeroporto e a acomodação do estudante.

U – Umbrella

Guarda-chuva em inglês. Provavelmente você precisará de um dos dias onde o Sol decidir ficar em casa.

V – Visa Travel Money

É um cartão de débito pré-pago, onde você recarrega com a moeda desejada e pode utilizar em estabelecimentos que possuem a bandeira Visa. É fortemente recomendado por todos, pois substitui o dinheiro em espécie, e em caso de perda/roubo, você consegue outro cartão facilmente e sem perder o valor que estava no cartão.

W – Work & Travel

Nome que se dá aos programas de intercâmbio destinados a trabalho e turismo.

X – Xmas

Abreviação de Christmas, que significa Natal em inglês.

Y – Year

Ano em inglês. (Acho que esta todos já sabiam)

Z – Zip Code

Código postal (CEP) em inglês.

 

Você conhece mais palavras que poderiam ser adicionadas ao nosso abecedário? Se sim, não esqueçam de avisar!

 

xxxxxxxxoxo

Passaporte na mão!

Boa noite galera! How are you going folks?

Este post é só para avisar de que o meu passaporte já está na minha mão!

Pretendo fazer um post para ele com detalhes de como é um passaporte por dentro, mostrando as folhas e tudo o mais. Quem sabe isto não pode ser um vídeo, né? 😀

Enquanto isto, como prova da minha conquista, está aí uma foto. Não reparem que eu estou amarelo.

Imagem

Isto é tudo pessoal!

Cheeers 🙂

Entrevista para emissão do passaporte

Boa tarde galera! Tudo bem?

Como faz tempo que eu não posto nada aqui! É que não estava com tempo hábil para escrever para vocês 😦Imagem

Espero que não fiquem chateados comigo hehehehehehehe 😛

O post de hoje é para descrever como foi a entrevista para a retirada do passaporte!

Fazer a solicitação do documento de viagem vocês já sabem né? Basta clicar neste link e seguir as instruções. Qualquer dúvida, leia o post sobre como retirar o passaporte que está aqui ou entre em contato comigo 😀

Vocês lembram da dica que eu havia dado a vocês para conseguir reagendar a entrevista, caso estivesse muito longe? Pois é, foi o que eu fiz, consegui adiantá-la em mais de um mês! Mudei do dia 02/10/2012 para o dia 30/04/2012, às 7:15h, no Posto da Polícia Federal no Campinas Shopping! Somente um alerta para você que pretende fazer isto, ao reagendar a entrevista, você só consegue fazê-la novamente após 30 dias. Então, cuidado ao escolher a data hein!!

Fui até o local no dia combinando, chegando 15 minutos antes do horário estipulado, e o posto nem estava aberto. Havia somente um senhor na minha frente, marcado para o horário das 7h.

Ao abrir o posto, havia uma funcionária logo na porta de entrada, solicitando os meus documentos. Entreguei a ela, que por sua vez, conferiu toda a papelada e me devolveu junto com um protocolo, onde indica o período e os horários para a buscar o passaporte, no mesmo local.

ImagemApós esta conferência, permaneci na sala de espera até o policial chamar pelo meu nome, que novamente, solicitou a apresentação dos documentos. Pelo número do protocolo, buscou os meus dados no no sistema e pediu para que eu conferisse junto com ele campo-a-campo, verificando se havia algum campo incorreto. Nisto, ele reclamou de acentos no nome (sim, meu nome tem acento e eu não coloquei no formulário, porém ele arrumou).

Depois disto, o policial recolheu as digitais de todos os meus dedos. Não se preocupe quanto a sujá-los, pois tudo isto é feito digitalmente, através de coleta biométrica, semelhante a coleta feita no DETRAN ao tirar habilitação.

E por último, foi colhida a foto do passaporte. Não se preocupem e nem gastem dinheiro para levar fotos do tipo 3×4 ou 5×7, pois ela é tirada na hora. O policial solicitou a mim que o meu rosto estivesse totalmente LIMPO, sem piercings, óculos, ou até mesmo franja. Eu joguei todo o meu cabelo para trás (pois achei mais fácil), porém, vá preparado quanto a isto.

Pelas minhas contas, todo o processo durou cerca de 20 minutos. Não é demorado, ainda mais porque eu fui no primeiro horário e também como é pré-marcado, não tem perigo de uma pessoa ser atendida antes da outra.

Daqui a mais ou menos 15 dias, estarei com o meu documento em mãos!! o/ Mal vejo a hora!

Quando chegar, farei um post ou um vídeo mostrando ele por completo, pois não achei nenhum material na Internet que mostrasse como é um passaporte por dentro (páginas, foto, etc).

Qualquer dúvida, já sabe, conte comigo!

Cheers! o/

Enjoy Your Life

E ai pessoal! Tudo bem com vocês?

Estive sumido por um tempo, pois tive alguns problemas familiares, cujos me ajudaram a escrever este post. Para quem não sabe, meu avô materno faleceu há uma semana atrás, e como sempre, a morte de um ente querido nos faz parar por um momento e refletir profundamente sobre as atitudes que temos tomado em nossas vidas.

Por este momento estive pensando e cheguei a seguinte conclusão: a vida é muito curta para ficarmos esperando e deixando para amanhã. A morte é a ÚNICA certeza que temos em nossas vidas. E toda esta situação me deu uma certeza ainda maior do meu intercâmbio, e de que eu estou tomando a decisão certa para mim.

O que se faz em um intercâmbio?

Boa noite galera! Tudo bem com vocês?

Hoje o post é para esclarecer algumas dúvidas sobre os tipos de intercâmbio existentes. Mas antes de tudo, o que significa a palavra INTERCÂMBIO?

A palavra intercâmbio significa permuta, troca. E na prática é isto mesmo que acontece! O intercambista faz uma troca de país, as vezes de trabalho e/ou de família, por um certo período, em busca de vivenciar novas experiências.

ma das principais características (e benefícios) de um intercâmbio é a total imersão na cultura local. Isto auxiliará na troca de experiências e principalmente, no processo de fluência de um idioma em um curto espaço de tempo

Agora vamos aos tipos de intercâmbio, quem sabe um deles não é o seu preferido? 😛 Então, vamos lá!

Curso de Idiomas

O objetivo é ir ao país hospedeiro para estudar o idioma nativo. Geralmente, uma parte do período é destinada para estudo do idioma e a outra parte é livre, onde você pode fazer atividades culturais, extra-classe, turismo, etc., tudo isto sem perder o foco: o estudo da língua. Grande parte das escolas oferecem programas a partir de 2 semanas.

Ano acadêmico

Semelhante ao curso de idiomas e com os mesmos objetivos, porém a duração do curso geralmente é de um ano completo, como um ano de escola e/ou faculdade.

Work & Study

Como o próprio nome já diz, você vai ao país para trabalhar e estudar. O tempo para fazer turismo provavelmente será escasso, mas é uma ótima ideia para quem deseja aprender um novo idioma sem gastar quase nada.

Au pair

Também conhecido como “baby siter”, este programa é um pouco diferente, pois o foco dele não é o estudo, e sim o trabalho. A pessoa fica em uma casa de família, trabalhando como babá e fazendo pequenos serviços domésticos. Como benefício, oferece salário semanal, bolsa de estudos, férias remuneradas, entre outros benefícios. Para mais informações, acesse: http://www.manualdaaupair.com.br/informacoes-gerais/o-que-e-au-pair/

High-school/University

Estes programas são mais voltados para a parte acadêmica, pois o objetivo é estudar o Ensino Médio, Graduação ou Pós Graduação no exterior. Podendo ser considerado um privilégio, também é um pouco exigente, pois a maioria das instituições exigem um grau de conhecimento do idioma um pouco elevado (ou até mesmo um certificado de proficiência, como TOEF, TOEIC, ESLA) para que o desenvolvimento acadêmico não seja prejudicado por conta da comunicação.

Não se esqueçam de dar uma olhada no post referente a acomodação que está aqui. É muito importante ter as duas coisas bem definidas!

Estes são os tipos mais conhecidos de intercâmbio. Como vocês leram, existem para todos os gostos e necessidades. Se você se identificou com algum deles, quem sabe não está na hora de você investir nisso? 😀

Best regards o/

Tem espaço para um brasileiro aí?

 E ai pessoal, tudo bem?

Passamos a marca dos 350 visitantes! Daqui a pouquinho chego a mil, quem sabe? 🙂

Neste post quero esclarecer uma coisa que muitos não entenderam muito bem: onde ficarei em Los Angeles.

Quando você faz um intercâmbio, várias são as possibilidades de estadia. Isto também depende muito da agência que te mandará. Algumas delas são:

Casa de família

Também conhecida como Homestay, é uma das formas mais baratas de estadia em um intercâmbio. Você fica hospedado na casa de uma família típica do país, e convive como se fosse um membro dela. A família hospedeira (ou host) geralmente passa por rigorosos processos seletivos, tanto pelas escolas como pelo governo do país, além de terem que provar que possuem estrutura para hospedar um intercambista.

Em uma homestay, você pode optar por dividir o seu quarto com outro intercambista (claro que não será da mesma nacionalidade que você) ou não. As refeições (que são café da manhã e jantar) também são providas pela família.

O que ganham com isto? Em alguns países, bonificações em dinheiro. Em outros, somente abatimento no imposto de renda. Depende muito do país.

Residências estudantis

Algumas escolas possuem residências estudantis, que são nada mais que alojamentos onde vivem vários outros estudantes. Os alojamentos geralmente possuem alguns luxos, como piscina, hidromassagem, etc. NÃO POSSUEM REFEIÇÕES, ou seja, você terá que comer em algum lugar todos os dias, gastando mais dinheiro ainda com alimentação.

 

Hotéis

Você pode realizar o seu curso e ficar hospedado em um hotel. Não preciso nem explicar o que é um hotel né? 😀

Estas são as formas de hospedagem que eu conheço. Eu escolhi ficar em Casa de família, quarto duplo, com café da manhã e jantar. Creio que é bom pois terei mais contato com a cultura de uma família americana, sem contar que vou necessitar falar mais ainda em inglês!

Algumas pessoas falam que homestay é ruim demais pois você tem que obedecer a família e etc. Isto é muito relativo, pois, quando a família se prontifica a receber um intercambista, ela entende que você é um intercambista e que está lá para conhecer, passear, estudar, etc. Eles não podem te impedir de visitar lugares e tal, mas de uma coisa você deve ter ciência: você deve se adaptar aos costumes da casa. Como fazer isto? Abaixo estão alguns exemplos, observe-os:

1)      Se a família toda costuma acordar as 6h da manhã, acorde junto com eles.

2)      Se não irá jantar, avise antecipadamente para que não façam a sua parte.

3)      Se a família te convidar para sair com eles e você não tiver nenhum compromisso, vá junto!

É importante que você mantenha um bom relacionamento com a host family, para evitar conflitos e também não passar uma imagem ruim da sua nacionalidade né?

Espero que tenha ajudado e esclarecido alguns pontos!

Se ainda houver dúvidas a respeito, não se esqueçam de me contactar! J

Cheeeeers o/

Gimmy gimmy my passport, please!

Boa noite! Tudo bem com vocês?

Mais uma vez, obrigado pelo carinho de todos e todas! Espero que esteja conseguindo compartilhar a minha alegria e quem sabe encorajando vocês também a fazer um intercâmbio hein? Hehehe 😛

O post de hoje é para falar um pouco mais sobre um documento importantíssimo para qualquer pessoa que pretende viajar para fora do país: o passaporte.

Quem já tem, é uma preocupação a menos. Quem não tem, precisa retirar, pois sem ele não tem como viajar para fora do Brasil. Para retirá-lo é muito simples! Vou listar os passos:

1) Entre no site da Polícia Federal e faça o requerimento do seu passaporte, preenchendo todos os dados corretamente e seguindo as instruções necessárias.  (o link é http://www.dpf.gov.br/servicos/passaporte/)

2) Após a finalização do cadastro, você será redirecionado para uma tela onde deverá fazer o agendamento da visita ao posto da Polícia Federal. Selecione o dia/horário que lhe convenha.

3) Imprima a GRU (boleto) de R$ 156,07 e pague até a data do vencimento como você preferir: banco, casa lotérica, bankline, etc.

4) No dia e horário agendado, você deverá comparecer com todos os documentos originais solicitados. Será feita a coleta das suas impressões digitais e também tirarão a foto que ficará no passaporte. Neste mesmo dia, o atendente irá lhe informar qual será o dia que você deverá retornar para retirar o passaporte. Os documentos necessários estão descritos aqui: http://www.dpf.gov.br/servicos/passaporte/documentacao-necessaria/documentacao-para-passaporte-comum/documentacao-para-passaporte-comum

5) No dia e horário informados pelo atendente, compareça ao posto da PF que você foi da outra vez e retire o seu passaporte. E seja feliz!

Não tem segredo galera! É bem simples e não exige muito trabalho. Tem pessoas que preferem pagar para algum despachante fazer este documento, e ele cobra por volta de R$ 220,00 para isto. Na minha opinião, não compensa, pois não é um documento complicado de ser feito, como a licença anual de um veículo por exemplo. E de qualquer forma, você teria que se deslocar pelo menos uma vez até o posto da Polícia Federal para coletar as informações e tirar a foto.

Esta imagem possui algumas informações sobre o novo passaporte (de capa preta) que possui até um chip com fotos e impressões digitais:

Para mais informações sobre o novo passaporte, acesse: http://www.dpf.gov.br/servicos/passaporte/passaporte-eletronico/passaporte-eletronico

Algumas informações importantes:

1) Na hora do cadastro, tenha em mãos o CPF, RG, Certidão de Casamento/Nascimento, Título de Eleitor, Carteira de Reservista, Endereço, Telefone, Celular e E-mail, pois tudo isto é pedido no processo de cadastramento.

2) Você acha que as datas que estão disponíveis não são boas para ti? Não tem importância, você pode cadastrar depois. Lembrando que os horários dos postos da PF são atualizados TODOS OS DIAS entre 12h e 13h.

3) Você não consegue remarcar a data do comparecimento da PF se o boleto ainda não for pago.

4) No dia da coleta de dados no posto da Polícia Federal, ouvi boatos que, para tirar a foto, a pessoa deve estar com o rosto limpo, isto é, não pode estar com nenhum acessório (óculos, brincos, piercings, etc), franja na testa, ou qualquer outra coisa que venha a esconder parte do rosto e cabeça. Portanto, vá preparado para isto!

5) Se você não retirar o passaporte dentro de 90 dias, ele é automaticamente cancelado. Cuidado!

Eu solicitei o meu na Terça-feira, porém a visita mais próxima para o meu posto seria no dia 2 de Outubro. Eu gostaria que fosse antes, pois para a retirada do visto, eu preciso do passaporte :S Estarei entrando no sistema da PF sempre para consultar as datas, verificando se não tem uma data mais próxima em que eu possa remarcar. Se não tiver, paciência, terei que pegar a mais próxima mesmo sendo longe.

Enquanto o dia do passaporte não chega, acho que começarei a preencher o formulário para a solicitação do visto, pois, segundo comentários que ouvi, é muito extenso, confuso e deve ser preenchido com muita, mais MUITA ATENÇÃO MESMO!

Me desejem sorte! Cheeers xxxxo

MyEF – A Rede Social do aluno EF

E ai galera! Tudo em ordem?

Espero que sim!

Primeiro quero agradecer a todos que estão lendo o meu blog, tenho recebido muito elogios e sugestões também! Muito obrigado galera! 😀 Estou tão alegre que, quem sabe eu não faço uma promoção mais para frente, para estimular mais ainda as visitas? Huashuashuahsuahsuhas 😛

Enfim, vamos ao ponto que interessa: o intercâmbio!

Fechei o contrato com a galera da EF Campinas há uns três dias atrás! Após o fechamento do contrato, eles me mandaram um login e uma senha por e-mail, para eu poder acessar o MyEF, a rede social da EF que eu falei em um post anterior.

O MyEF é como se fosse um “Facebook”, e serve também como um ponto de acesso onde estão escritas todas as informações referentes ao seu intercâmbio, como: data de curso, escola, hospedagem, as pré-aulas antes de embarcar e também o teste para saber qual será o seu nível! Além disto, o MyEF é muito útil para que você conheça as pessoas que irão para o mesmo destino que você antes de embarcar! Dá uma conferida na tela inicial:

Tela Inicial do MyEF

Como vocês podem ver, é bem simples de manusear. E também viram que eu tenho somente dois amigos ._. O sistema para busca de pessoas que vão na mesma época que você não é muito bom… não há um filtro ou algo parecido, então você tem que entrar perfil-a-perfil e ver a data de início de curso da pessoa. Isto desgasta L Este é o único ponto negativo da ferramenta.

Em breve posto mais novidades 🙂

Best regards o/

Preço do curso (ai meu bolso)

Boa noite galera, tudo bem com vocês?

Em apenas 50 horas de blog, já tenho mais de 100 visitas! Muito obrigado a todos vocês que estão acompanhando a minha viagem de perto! 😀

Bom, o post de hoje é para informá-los a respeito do preço do meu intercâmbio. Os preços variam muito de cada empresa, do

tipo de curso que será feito e também conforme o tempo que você vai estudar. Na escola que eu fechei o meu pacote, eles oferecem programas de estudo no exterior de até 2 semanas! Só não sei se é muito aproveitável para quem vai… Eu optei por ficar 5 semanas, iniciando em 29/04/2013 (olhem o contador do lado esquerdo do site) até o dia 31/05/2013.

A escola já oferece a acomodação. Por padrão, a EF inclui no pacote a acomodação em Casa de Família com quarto duplo (seu colega de quarto NÃO será um brasileiro), porém você pode optar por ficar sozinho, ou ficar em um alojamento estudantil. Logicamente, os preços serão maiores. Eu optei por ficar em casa de família mesmo, em um quarto duplo.

Você também pode incluir no seu pacote o “Transfer” (aquela pessoa que fica no aeroporto te esperando quando você chega) para levá-lo ao alojamento. Na minha opinião, é bom contratar os serviços dele, pois chegar na residência onde você ficará no país pode não ser tão simples, e no fim das contas, pode sair mais caro do que pagar a taxa do transfer!

Existe a possibilidade de incluir no pacote o Seguro de Viagem. Isto é importante, pois o seguro de viagem também é seguro de vida. Nós nunca sabemos quando acontecerá um imprevisto (como quebrar uma parte do corpo, gripe, etc etc).

E por último, existe o Seguro Cancelamento, que é para o caso de você desistir do curso e quiser o seu dinheiro de volta, lembrando que isto funciona SOMENTE EM CASO DE DOENÇA e VOCÊ NÃO SERÁ REEMBOLSADO INTEGRALMENTE. Eu não contratei, pois vou ficar por um curto período, e se precisar, é possível remarcar a viagem pagando uma taxa de US$ 100.

E o preço é…

Curso de 5 semanas com acomodação

US$ 3225

Transfer de chegada

US$ 55

Seguro de Viagem

US$ 162

Taxa de Inscrição

US$ 195

Taxa de Administração

US$ 180

Material

US$ 40

Total

US$ 3857

 

Pois é galera… US$ 3857 DÓLARES! Isto mesmo, o pagamento do curso é feito em dólar. Ou seja, o curso com valor em Real é ainda mais caro. E o pior de tudo: a cotação utilizada para o pagamento do intercâmbio é o Dólar Turismo (que por natureza é mais caro ainda). Acabei de olhar no site ValorData e a cotação de hoje ficou em R$ 2,17. Por isto que aproveitei a promoção da EF, de pagar como entrada somente a Taxa de Inscrição e a Taxa de Matrícula com o valor do câmbio a R$ 1,99. Quem quiser aproveitar CORRE, pois a promoção acabará no fim do mês! 😀

Não se esqueçam que este é o valor que eu paguei para a agência. Ainda falta eu correr atrás da outra parte da viagem (como passaporte, visto, passagens aéreas, dinheiro para levar, etc). Por isto é muito bom você planejar tudo com muita antecedência, para não haver imprevistos e correr o risco da sua viagem dos sonhos virar o seu pior pesadelo!

Como vocês viram, ainda tenho MUITA coisa para quitar! No próximo post vou contar sobre a rede social do intercambista EF, o MyEF!

Continuem ligados! Best regards xxxxxxxxxxxxxxxxxo 🙂

A agência escolhida

Boa noite galera! Tudo bem?

Este é o quarto post do blog, e eu gostaria de agradecer a todos vocês que estão acompanhando ele bem de pertinho!

Como eu havia dito no último post, vou falar um pouco mais sobre a agência que eu escolhi, que é… (que rufem os tambores hahahaha) a EF Education First.

 

Os fatores cruciais para eu escolher a EF foi a estrutura e a forma de pagamento.

Estrutura

A EF possui uma ótima estrutura, tanto no envio de intercambistas ao exterior quanto a parte pedagógica, contando sempre com recursos tecnológicos e também uma rede social para os estudantes – o MyEF – onde você pode conhecer os seus futuros amigos que estudarão com você!

Forma de pagamento

O pagamento do curso pode ser feito tanto a vista quanto parcelado em até 24x, desde que o curso esteja quitado 30 dias antes do início. Uma coisa legal e que me atraiu mais ainda para a EF é um recurso chamado Poupança EF. Funciona da seguinte forma: você dá a sua entrada (20% do valor total do curso), e o restante você vai pagando conforme a sua disponibilidade. Se chegar 30 dias antes do embarque e você ainda não quitou, o valor restante é financiado pelo banco (de 2 a 24x no cartão, cheque ou boleto) e você pode viajar tranquilo!

E para alegrar ainda mais, no mês de Julho, está tendo uma promoção na EF que quem fechar o contrato não será necessário efetuar a entrada de 20% do valor do curso, sendo exigido somente o pagamento das taxas. Isto foi um belo atrativo para que eu escolhesse a EF! 🙂

Além destes motivos, também teve a Carol, uma amiga minha que foi para Brighton no começo deste mês, e que foi a que mais me incentivou e encorajou a esta viagem através do blog dela (no qual eu me inspirei para escrever aqui hehehe). Quem quiser acessar, o endereço é: https://carolembrighton.wordpress.com/.

No próximo post, vou falar um pouco mais dos gastos que terei com relação ao curso.

See you soon guys 😀

Posso estudar aí?

Olá galera, tudo bem?

 

Este é o terceiro post do blog, e como havia prometido, vou contar um pouco das visitas que eu fiz as agências de intercâmbio que me recomendaram e/ou achei na internet: Yázigi Travel, CI – Central de Intercâmbios e EF – Education Post. Se liguem nesta! 🙂

 

Yázigi Travel

A Yázigi Travel faz parte da escola de idiomas Yázigi. Fiz uma visita até a agência de Indaiatuba (que fica no mesmo prédio que a escola) no dia 26 de junho de 2012, para conhecer mais os programas de intercâmbio e entender um pouco melhor sobre este universo que eu não estou tão imerso, ainda. Conversei com a Dani, a agente de viagens responsável por intercâmbios. Super atenciosa e paciente, conversamos por 2h sobre como funciona um intercâmbio, como são os cursos, os tipos de acomodações, as escolas, o estilo de vida de um estudante, obrigações e formas de pagamento. De quebra, eu ganhei uma revista muito bacana, com muita informação sobre vários destinos e cursos. Para Los Angeles, eles trabalham com três escolas: EmbassyCES, EC e Kaplan.

Para quem quiser saber um pouco mais sobre o Yázigi Travel, basta acessar: www.yazigitravel.com.br e se divertir! Eles possuem vários destinos, e tenho certeza que um deles lhe agradará!

CI – Central de Intercâmbios

A CI é uma rede de agências de intercâmbios com várias lojas no Brasil. Eles também possuem vários programas de intercâmbio também, desde simples cursos de inglês até High School ou Au Pair. A minha visita foi realizada no dia 7 de julho de 2012 na unidade de Campinas. Conversei com a Juliana, que me atendeu muito educadamente, e também me explicou as formas de pagamento. Para Los Angeles, eles trabalham somente com a escola EmbassyCES.

Quem quiser conhecer mais sobre a agência, basta acessar: http://www.ci.com.br/.

EF Education First

A EF, além de agência de intercâmbio, ela é a própria escola. Presente no mundo todo, eles possuem mais de 40 escolas e já formaram uma pancada de pessoas! Eles possuem uma estrutura muito boa e diversos benefícios para os alunos que estudam lá. Outra coisa interessante é que se você realizar um curso com duração a partir de 4 semanas, você recebe um certificado reconhecido pela Universidade de Cambridge!

Antes de realizar a visita até a escola, eu havia ficado muito tempo no site deles (www.ef.com.br), onde consegui descobrir muita informação interessante, realizar um pré-orçamento, e também solicitar um catálogo com mais informações sobre a escola e os destinos. O catálogo é gratuito e entregam na sua casa. Pedi o meu em um sábado e chegou na Quarta-feira seguinte 😀 Quem me atendeu por e-mail foi a Mabelly, que teve muita paciência comigo, tirando todas as minhas dúvidas e inclusive me ajudando a chegar na EF Campinas me indicando qual era o ônibus que eu deveria pegar hehehe 😀

A visita foi feita no dia 7 de julho de 2012. Infelizmente a Mabelly não estava lá, então conversei com a Paula. Para a minha alegria e sorte, esta consultora também havia feito intercâmbio de seis meses em LA! Passei mais de 2h conversando com ela, e a cada coisa que elea me falava eu ficava com mais vontade de ir *-*

Comparando os preços das três escolas, todas possuem a mesma faixa de preço, mudando somente a forma de pagamento.Todas elas tem opções de parcelamento, porém pedem uma entrada significativa. Na EF a entrada éde 20% do valor do curso, na CI são 30% e no Yázigi Travel são 15%. E como eu já havia dito, não tenho muito dinheiro, então devo pesquisar e analisar muito bem qual será a escola escolhida.

No próximo post vou falar qual foi a minha escolha, e também o quanto eu gastei! Ai meu bolso :S Mas pelo menos é por uma causa nobre hehehehe 😀

See you soon guys o/

The first idea – Where should I go?

A ideia de se fazer um intercâmbio surgiu há pouco tempo. Um belo dia eu estava no Twitter, quando vi um post de um blog de uma amiga minha, a Carol (quem quiser conferir, o blog dela é este), sendo que o blog dela tem a mesma intenção que o meu, de orientar quem quer fazer um intercâmbio e registrar tudo em uma espécie de “diário de bordo”. Comecei a ler os posts e vi que ela iria passar somente um mês fora. Achei tudo isto muito bacana, pois para mim, intercâmbio era para estudar por longos períodos (como seis meses, um ano, etc.).

No mesmo momento eu comecei a pesquisar sobre cursos em Londres (a cidade dos meus sonhos). Entretanto, quando pensamos em um intercâmbio, além dos gastos com o curso, devem ser planejados os custos com transporte, alimentação, passagens aéreas, lembrancinhas… etc., e estes gastos em Londres não são tão baratos assim. Mesmo assim, eu fui pensando em quais outros lugares eu poderia visitar, aliando o estudo e passeio em uma única viagem! Instantaneamente, como em um passe de mágica, pensei em Los Angeles!

Los Angeles

Los Angeles (LA para os mais íntimos) é uma cidade do sul da Califórnia, mundialmente conhecida como a capital do entretenimento! É onde fica Hollywood e também onde localizam-se as residências de muitos famosos. Além disto, possui  muitas opções de lazer, diversão e compras, sendo que o custo de vida não é tão caro, levando em consideração que a moeda utilizada é o dólar. Por isto o nome do blog: Gurizando LA 🙂

A minha dica, para você aspirante a intercambista e que não têm tanto dinheiro para investir na viagem (como eu) é de: pensar  em um lugar que mescle tanto o estudo quanto o lazer e que te faça realmente feliz, pois mesmo que a viagem seja curta, uma bela quantia é necessária desembolsar.

Vale ressaltar que não devemos nos esquecer do clima do país. Para quem vai ao hemisfério norte, o clima será contrário ao do Brasil. No meu caso, estou planejando para passar o mês de Maio/2013, ou seja, será primavera nos EUA. E também, como LA é cidade de litoral, concerteza estará quente, mas nem tanto! Sinceramente, eu não gosto de calor, mas creio que não será um calor insuportável como é aqui no Brasil! 😛

No próximo post falarei mais sobre as pesquisas nas agências de intercâmbio.

Até mais, best regards! 🙂

Warm Up

Olá a todos!

Sou o Guri, prazer! Tenho 21 anos e tive a ideia de escrever este blog para relatar a experiência de se fazer um intercâmbio, desde os primeiros passos. Além de compartilhar um pouco da experiência que eu estou vivenciando, espero que consiga ajudar as pessoas que quem tem vontade de estudar no exterior, porém não tem ideia por onde começar.

Abaixo estão meus contatos, para quem quiser me adicionar ou entrar em contato comigo facilmente:

Twitter: http://www.twitter.com/gurirepugnante

Facebook: http://www.facebook.com/guri777

E-mail: gurirepugnante@gmail.com

Um forte abraço e fiquem ligados no blog!

Cheers

%d blogueiros gostam disto: